InícioCidadesPrograma Vem pra cá reinaugura o estúdio auditório da Rádio Brasil Central...

Programa Vem pra cá reinaugura o estúdio auditório da Rádio Brasil Central AM

Comandado pelo radialista Juscelino Sena, o programa contou com a participação de convidados especiais e de público formado por jovens do Colégio Estadual Menino Jesus

O programa Vem pra cá, comandado ao vivo pelo radialista Juscelino Sena, com a participação de Delesmano Alves, reinaugurou o estúdio auditório da Rádio Brasil Central AM na manhã desta sexta-feira (1º) em grande estilo, com presença de convidados especiais e de público formado por 31 estudantes da 2ª e 3ª séries do ensino médio do Colégio Estadual Menino Jesus do setor Chácara do Governador, de Goiânia. A transmissão também comemorou o aniversário de 74 anos da emissora AM, que será celebrado neste domingo (3), na mesma data em que a RBC FM completa 51 anos no ar.

O presidente da Agência Brasil Central (ABC), Reginaldo Júnior, participou do programa, ocasião em que ressaltou o papel histórico desempenhado pela Rádio Brasil Central AM na transferência da capital federal para o Planalto Central. “Foi uma grande campanha publicitária realizada em defesa da construção de Brasília”, lembrou, acrescentando que as emissoras de rádio da Brasil Central continuam prestando bons serviços à sociedade goiana. Gerente da Rádio, Danuza Azevedo destacou o papel das duas emissoras de rádio da ABC e reforçou que agora, com o estúdio auditório, será possível uma maior interação com os ouvintes. “Trabalhamos para trazer informação e entretenimento de qualidade para todos os goianos”, completou.

Duplas sertanejas

Nesta edição especial do programa Vem pra cá, estiveram no estúdio auditório os cantores das duplas sertanejas André e Andrade, e Leo e Leo. Em entrevista à TV Brasil Central, o cantor André lembrou que a dupla tem uma carreira de quase 50 anos e agradeceu à Rádio Brasil Central AM, “que abriu as portas para a gente”. Segundo ele, a emissora é importante não só para os cantores sertanejos, mas para toda a classe musical. Apesar do avanço tecnológico na área de comunicação, “o rádio não perdeu seu valor”, afirmou o cantor Andrade.

O radialista Juscelino Sena disse que estava “muito feliz, extravasando alegria”, de poder fazer o seu programa matinal diário no estúdio auditório, com a participação dos estudantes da rede estadual de ensino e de convidados. Ele contou que recebeu o desafio de “fazer acontecer” e foi possível celebrar, com auditório cheio, entrevistas e atrações musicais, essa data especial que é o aniversário das emissoras de rádio da Agência Brasil Central.

ABC Digital

POSTAGENS RELACIONADAS
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

MAIS LIDAS DA SEMANA